sábado, 21 de março de 2015

O Momento de SER e ESTAR

Em determinado momento começamos a olhar pelos olhos do entendimento, a desprender as raízes mais profundas, a libertar certos pensamentos. 
É confuso estar se vendo mudar e perceber que tudo o que era, hoje pode atormentar: As roupas, o corpo, os vícios, as opiniões, as relações... tudo está numa nova linha tênue entre o SER e ESTAR. 
O sentir é agora.
Em determinado momento nos olhamos no espelho e percebemos como a inocência pode ter ido e a sabedoria pode ter nascido. Os olhos do entendimento já não querem confrontar as marcas ruins do passado, mas a dádiva do amanhã. Tornamo-nos homem e mulher; crianças perante o universo, adultos em nossas concepções e desejos.
Neste determinado momento é que percebemos como o mundo é uma ilusão e nós somos a verdade que molda cada realidade em particular. Tudo o que temos de importante está na confiança, coragem, afeto e harmonia que vamos construindo com os outros. Nossa essência é o que importa quando está de acordo com o corpo e mente.
Afinal, agora se é um sábio que compreende que o instante é sempre o primeiro passo para a evolução e conexão com o EU verdadeiro. E no entendimento deste EU que mora o sucesso.





Postar um comentário